Dia Estadual do Protético Dentário (5 de novembro)

Licença Creative Commons, para reproduzir tem que citar fonte com link. URL curta: http://datascomemorativas.org/3260

Próxima Celebração "Dia Estadual do Protético Dentário": Domingo, 5 de Novembro de 2017, : daqui 252 dias, 22:29:20-03:00.
Tempo médio de leitura para essa data comemorativa: ± 2 minutos.

O Dia Estadual do Protético Dentário em 5 de novembro de cada ano, é uma comemoração no Estado brasileiro do Paraná, conforme Lei Nº 10.226 de 23 de dezembro de 1992.

Essa data comemorativa de paranaenses tem por fim, marcar a data da promulgação da Lei Nº 6.710 de 5 de novembro de 1979 [regulamentada pelo Decreto Nº 87.689 de 11 de outubro de 1982], que então dispôs sobre a profissão de Técnico em Prótese Dentária no Brasil, além de determinar outras providências.

Para conhecimento, o Técnico em Prótese Dentária é o profissional de saúde que trabalha em conjunto com o cirurgião-dentista, para restabelecer a capacidade mastigatória e estética do paciente, por meio de próteses dentárias. A grande demanda atual da estética corporal e bucal faz com que os serviços do técnico em prótese dentária sejam cada vez mais requisitados.

É possível que você já tenha ouvido falar de dentadura, coroa, ponte móvel, etc... Todos estes aparatos são desenvolvidos pelo atuante na área de prótese dentária. Culturalmente, estava enraizado que o protético, como era a nomenclatura antiga, só fazia dentaduras, mas atualmente, com técnicas cada vez mais desenvolvidas, o profissional vem se aprimorando”, segundo o então diretor de comunicação da APDESPBR [Associação dos Técnicos em Prótese Dentária Brasil], Roberto Seiei Quiyan.

O mercado de trabalho é extremamente atraente para o técnico em prótese dentária. Segundo dados do CFO [Conselho Federal de Odontologia], aproximadamente 20 mil profissionais trabalham nos 7.000 laboratórios espalhados pelo Brasil e ainda há espaço para os que se especializam na área.

O curso de técnico em prótese dentária é dividido em 3 módulos e oferece atividades que contribuem para a aprendizagem e o desenvolvimento de competências em estudo de casos, proposição de problemas, pesquisas em diferentes fontes, contato com empresas e especialistas da área, visitas técnicas, palestras com especialistas, atividades em laboratório de prótese e desenvolvimento de projetos. O curso traz disciplinas como: administração de laboratório; ética e Legislação profissional; primeiros socorros; materiais, equipamentos e Instrumentos em Odontologia; anatomia aplicada; próteses fixas; próteses Removíveis; escultura dental; planejamento protético; próteses Acrílicas; próteses Total; e prótesess pediátricas.

Depois de formado e inscrito no CRO [Conselho Regional de Odontologia] na região em que vai trabalhar, o técnico em prótese dentária geralmente ingressa no mercado como estagiário na função de auxiliar em laboratórios de prótese, mas pode exercer diversas atividades, entre elas: trabalhar em laboratórios (próprios ou não); prestar serviços para diversas clínicas e laboratórios; promover cursos e congressos; dar aulas; trabalhar em consultórios dentários; trabalhar em hospitais [Buco-Maxilo-Facial]; fazer implantes; e especializar-se em moldar aparelhos.

Fontes consultadas:

  1. www.legislacao.pr.gov.br/…
  2. www.planalto.gov.br/…
  3. cfo.org.br/…
  4. www.catho.com.br/…

Para dúvidas, críticas, sugestões, reclamações, convites e outros assuntos, por favor, Entre em contato

Licença Creative Commons, para reproduzir tem que citar fonte com link. URL curta: http://datascomemorativas.org/3260

RSS/XML