Dia Estadual do Auditor de Controle Interno (20 de novembro)

Licença Creative Commons, para reproduzir tem que citar fonte com link. URL curta para esse artigo: http://datascomemorativas.org/0nyX

O Dia Estadual do Auditor de Controle Interno em 20 de novembro de cada ano, é uma comemoração no Estado brasileiro do Ceará, que foi instituída pela Lei Nº 14.294 de 7 de janeiro de 2009, e que também é conhecida entre os brasileiros apenas como "Dia do Auditor Interno".

De acordo com a Lei supracitada do Estado do Ceará, essa data comemorativa deverá ser objeto de ações específicas da Secretaria da Controladoria e Ouvidoria do Estado do Ceará, com iniciativas voltadas para a divulgação das ações de Auditoria Governamental desenvolvidas no Estado, palestras nas Universidades e realizações de eventos, destinados à divulgação, acesso e consolidação da carreira do Auditor no âmbito do Poder público Estadual cearense.

Essa data celebrativa de brasileiros que está oficializada no Estado do Ceará tem por fim, marcar a data da fundação do AUDIBRA [Instituto dos Auditores Internos do Brasil], que foi constituído em 20 de novembro de 1960 na cidade brasileira de São Paulo-SP, e que hoje está presente nas principais capitais de Estados brasileiros, a partir de 2010 como IIA Brasil, com o fim de proporcionar formação, capacitação e desenvolvimento profissional aos auditores internos do Brasil.

O Instituto dos Auditores Internos do Brasil é uma entidade civil sem fins econômicos que tem como objetivo fortalecer a profissão de auditoria interna no país, oferecendo conhecimento e novas técnicas que agreguem valor à carreira dos seus associados, atualizando e certificando esses profissionais.

Para conhecimento, auditor interno é o profissioinal responsável por realizar auditorias internas, uma atividade independente e objetiva de garantia e consultoria, concebida para adicionar valor e melhorar as operações de uma organização. A auditoria interna ajuda uma organização a atingir seus objetivos, através de uma abordagem sistemática e disciplinada, para avaliar e melhorar a efetividade dos processos de gerenciamento de riscos, controle e governança. Esta definição é mundialmente reconhecida e aceita, sendo divulgada pelo IIA [Instituto de Auditores Internos ou "Institute of Internal Auditors"], representado no Brasil pelo IIA Brasil.
Os principais objetivos a atuação de um auditor interno são:

  • verificar a existência, a suficiência e a aplicação dos controles internos, bem como contribuir para o seu aperfeiçoamento;
  • verificar se as normas internas estão sendo seguidas;
  • verificar a necessidade de melhoramento das normas internas vigentes; e
  • avaliar a necessidade de novas normas internas.

A atividade de auditoria interna geralmente é desempenhada por departamento de uma entidade, incumbido pela direção da mesma para efetuar verificações necessárias e para avaliar os sistemas e procedimentos da entidade, com vista a minimizar as probabilidades de fraudes, erros ou práticas ineficazes.
A auditoria interna deve ser independente no seio da organização e reportar diretamente à direção da mesma.
Ou seja, se pode conceituar auditoria nterna como um controle gerencial que funciona por meio de medição e avaliação da eficiência e eficácia de outros controles. Deve ser entendida como uma atividade de assessoramento à administração quanto ao desempenho das atribuições definidas para cada área da empresa, mediante as diretrizes políticas e objetivos por aquela determinados. A auditoria interna cumpre um papel fundamental na empresa: subsidia o administrador com dados e informações tecnicamente elaborados, relativos às atividades para cujo acompanhamento e supervisão, este não tenha condições de realizar; e ela o faz mediante o exame da:

  • adequação e eficácia dos controles;
    integridade e confiabilidade das informações e registros;
  • integridade e confiabilidade dos sistemas estabelecidos para assegurar a observância das políticas, metas, planos, procedimentos, leis, normas e regulamentos, e da sua efetiva aplicação pela empresa;
  • eficiência, eficácia e economicidade do desempenho e da utilização dos recursos; dos procedimentos e métodos para salvaguarda dos ativos e a comprovação de sua existência, assim como a exatidão dos ativos e passivos; e
  • compatibilidade das operações e programas com os objetivos, planos e meios de execução estabelecidos.

Não deve haver limitação, no âmbito da empresa, para atuação da auditoria interna. O auditor interno deve ter acesso a todas as áreas e informações, terreno no qual e para o qual desenvolverá seu trabalho. Naquelas áreas cuja tecnologia desconhece, no todo ou em parte, deve ele assessorar-se de profissionais habilitados, a fim de entender o processo, para poder avaliá-lo e julgá-lo, possibilitando, assim, que seu relatório seja emitido corretamente. Podemos exemplificar esta condição com referência a um trabalho desenvolvido numa área de Produção. Neste caso, o auditor interno se assessorará de um engenheiro, qualificado tecnicamente para, quando solicitado e autorizado pela Diretoria, julgar determinada operação ou opinar sobre ela. Deve, ainda, prestar total apoio ao Conselho de Administração e ao Conselho Fiscal da entidade, bem como, se em empresa estatal, coordenar e controlar o atendimento ao Tribunal de Contas e aos órgãos de Controle Interno.

Os sistemas de controle internos não se limitam às áreas contábil e financeira, mas englobam os planos da organização e todos os métodos usados para proteger seus ativos, verificar a exatidão e fidedignidade de suas informações contábeis, financeiras, administrativas e operacionais, e promover a eficiência e eficácia operacional, bem como estimular a observância de normas e diretrizes da administração, inclusive no âmbito das empresas controladas e coligadas. A função básica da auditoria interna, de assegurar o sistema de controle interno eficaz, não desobriga os executivos das responsabilidades de verificação e controle nos seus respectivos setores.

Fontes consultadas em 30 de outubro de 2016 às 17:50:30:

  1. www.al.ce.gov.br/…
  2. www.iiabrasil.org.br/…
  3. pt.wikipedia.org/…

Para dúvidas, críticas, sugestões, reclamações, convites e outros assuntos, por favor, Entre em contato

Antonio Cezar é cego, dedica ± 4 hhoras/dia na maior coleção [RankBrasil] em Datas Comemorativas e seus porquês, e conta com você. Clique e colabore!

Ocultar

Foto do Locutor Antonio Cezar

Você pode entrar em contato para saber como ajudar ou doar qualquer quantia, na Caixa Econômica Federal ou numa lotérica perto de você, para Antonio Cezar, agência 2992, operação 13, conta poupança 8655-1. Por exemplo, moedas do troco no pagamento de suas contas serão sempre bem-vindas.

Licença Creative Commons, para reproduzir tem que citar fonte com link. URL curta: http://datascomemorativas.org/0nyX

RSS/XML