Dia do Profissional da Dança (23 de novembro)

Licença Creative Commons, para reproduzir tem que citar fonte com link. URL curta para esse artigo: http://datascomemorativas.org/jt0l

O Dia do Profissional da Dança em 23 de novembro de cada ano, é uma comemoração do Estado brasileiro de São Paulo, que foi criada pela Lei Nº 10.421 de 24 de novembro de 1999, e que, coincidentemente, é festejada em data próxima à "Semana da Dança de Salão" na última semana de novembro de cada ano no Estado brasileiro do Rio de Janeiro.

Apesar de muitos esforços e inúmeras pesquisas, ainda não me foi possível obter maiores explicações e porquês para a criação dessa data comemorativa de paulistas em 23 de novembro, mesmo depois da leitura da íntegra com a respectiva justificação do Projeto de Lei Nº 337 de 8 de maio de 1999 da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, e de uma conversa com a bailarina clássica brasileira e então Presidenta do Sindicato dos Profissionais da Dança do Estado de São Paulo (antiga APPD [Associação Paulista de Profissionais da Dança]), Maria Pia Finócchio, que segundo a própria bailarina paulista, não estaria vinculada com qualquer evento ligado à categoria dos bailarinos de São Paulo.

Para conhecimento, dançarino, é um profissional que tem como possibilidades, contribuir como agente transformador da realidade, ser responsável pelo próprio corpo, e expressar-se e comunicar-se artisticamente, através da dança.
A dança se caracteriza pelo uso do corpo seguindo movimentos previamente estabelecidos por uma coreografia, ou improvisados numa dança livre. Na maior parte dos casos, a dança, com passos cadenciados, é acompanhada ao som e compasso de música, e envolve a expressão de sentimentos potenciados por ela. O dançarino pode utilizar a dança como manifestação artística ou como forma de divertimento e/ou cerimônia. Como arte, a dança se expressa através dos signos de movimento, com ou sem ligação musical, para um determinado público.

Talento e dedicação são indispensáveis para quem quer dedicar-se à dança. O dançarino precisa realmente se entregar ao treinamento, descobrir quais são seus limites, e, acima de tudo, ultrapassá-los. Características desejáveis ao profissional da dança são; preparo físico; sensibilidade artística; senso estético; talento; e disposição.
Para ser um profissional da dança, há 2 caminhos a seguir: a universidade e as escolas de dança. A diferença entre as formações está na possibilidade de atuação. Além da técnica, a faculdade oferece também a base teórica, que dá ao aluno, condições para que ele possa seguir carreira como pesquisador, professor ou produtor, por exemplo. A duração do curso é de 4 anos. A dança figurativa e dança abstrata são especializações possíveis a um dançarino.
Para ser um dançarino no circuito profissional, é necessário o atestado de capacitação profissional para o ingresso. Somente o SINDDANÇA no Estado de São Paulo pode examinar candidatos e expedir o atestado. Caso a pessoa não tenha o registro no antio D.R.T [Delegacia Regional do Trabalho]. deve dirigir-se ao Sindicato para marcar um teste nas bancas examinadoras.

Um dançarino pode desenvolver atividades envolvendo bailado ou dança, coreografia e ensino. atuar como intérprete e coreógrafo em espetáculos, performances e eventos; desenvolver trabalhos de preparação corporal para atores e dançarinos no teatro e na TV; produzir e dirigir espetáculos teatrais; selecionar profissionais para atuação em espetáculos (curador); criar, desenvolver e coordenar ações e projetos de dança em instituições, fundações e organizações não- governamentais; ministrar aulas em escolas de ensino fundamental e médio, no ensino informal (estúdios, centros de cultura, empresas) e em escolas técnicas na (formação de dançarinos amadores ou profissionais); desenvolver pesquisas na criação artística e na educação.

O dançarino pode atuar no corpo de balé de companhias nacionais ou estrangeiras, academias de dança, emissoras de televisão, teatro, magistério. Porém, não é somente nos palcos que o dançarino pode brilhar. Ele também tem espaço nos bastidores, podendo realizar direção cênica, iluminação, produção e cuidar da parte de comunicação visual de um espetáculo, por exemplo.

Fontes consultadas em 29 de outubro de 2016 às 02:50:18:

  1. www.al.sp.gov.br/…
  2. www.brasilprofissoes.com.br/…

Para dúvidas, críticas, sugestões, reclamações, convites e outros assuntos, por favor, Entre em contato

Antonio Cezar é cego, dedica ± 4 hhoras/dia na maior coleção [RankBrasil] em Datas Comemorativas e seus porquês, e conta com você. Clique e colabore!

Ocultar

Foto do Locutor Antonio Cezar

Você pode entrar em contato para saber como ajudar ou doar qualquer quantia, na Caixa Econômica Federal ou numa lotérica perto de você, para Antonio Cezar, agência 2992, operação 13, conta poupança 8655-1. Por exemplo, moedas do troco no pagamento de suas contas serão sempre bem-vindas.

Licença Creative Commons, para reproduzir tem que citar fonte com link. URL curta: http://datascomemorativas.org/jt0l

RSS/XML