Dia do início da Semana Estadual de conscientização do doador de Medula Óssea ou Semana de Conscientização do doador de Medula Óssea (3ª semana de dezembro)

Licença Creative Commons, para reproduzir tem que citar fonte com link. URL curta: http://datascomemorativas.org/3492

Próxima Celebração "Dia do início da Semana Estadual de conscientização do doador de Medula Óssea" ou "Semana de Conscientização do doador de Medula Óssea": Segunda-Feira, 18 de Dezembro de 2017, : daqui 121 dias, 14:28:35-03:00.
Tempo médio de leitura para essa data comemorativa: ± 3 minutos.

A Semana Estadual de conscientização do doador de Medula Óssea ou Semana de Conscientização do doador de Medula Óssea na 3ª semana de dezembro de cada ano, é uma comemoração móvel no Estado brasileiro do Acre, que foi criada pela Lei Nº 2.684 de 9 de janeiro de 2013, cuja data do início das celebrações pode ocorrer entre os dias 15 de dezembro e 21 de dezembro de cada ano no calendário gregoriano, provavelmente em apoio à "Semana de Mobilização Nacional para Doação de Medula Óssea" no Brasil.

A Lei que criou a semana festiva nacional no Brasil diz que, por ocasião das celebrações dessa semana comemorativa de brasileiros, deverão ser desenvolvidas atividades de esclarecimento e incentivo à doação de medula óssea e à captação de doadores no território brasileiro, a partir da frase: "Neste Natal, dê um presente a quem precisa de você para viver: cadastre-se como doador de medula", que deverá ser difundida durante essa Semana festiva, sendo que as ações, atividades e campanhas publicitárias devem envolver órgãos públicos e entidades privadas do Brasil, a fim de informar e orientar sobre os procedimentos para o cadastro de doadores e a importância da doação de medula óssea para salvar vidas, e ainda, sobre o armazenamento de dados no REDOME [Registro Nacional de Doadores de Medula Óssea].

Para conhecimento, qualquer pessoa entre 18 e 55 anos com bom estado geral de saúde [que não tenha doença infecciosa ou incapacitante] poderá doar medula óssea. Esta é retirada do interior de ossos da bacia, por meio de punções, e se recompõe em apenas 15 dias.

Para se tornar um potencial doador voluntário, a pessoa apenas preenche um formulário com dados pessoais e permite a coleta de uma amostra de sangue com 5ml para testes. Estes testes determinam as características genéticas que são necessárias para a compatibilidade entre o doador e o paciente.

Os dados pessoais e os resultados dos testes são armazenados num sistema informatizado, que realiza o cruzamento entre os dados dos potenciais doadores voluntários com os dos pacientes que estão necessitando de um transplante. Em caso de compatibilidade com um paciente, o potencial doador voluntário é então chamado para exames complementares e para realizar a doação.
Daí a importância dos Registros de potenciais Doadores Voluntários de Medula Óssea, cuja função é cadastrar pessoas dispostas a doar, e a importância de que sejam mantidos atualizados os dados cadastrais desses potenciais Doadores Voluntários de Medula Óssea, para facilitar e agilizar a chamada do doador no momento exato da detecção da eventual compatibilidade, pois, um dos grandes problemas para esse tipo de procedimento é mesmo a compatibilidade, visto que a chance de se encontrar uma medula compatível é, em média, de uma em cem mil. Quando um paciente necessita de transplante e não possui um doador disponível e compatível na família, esse cadastro é consultado. Se for encontrado um doador compatível, ele será convidado a fazer a doação.

No Brasil, um país em que o transplante de órgãos e tecidos, quase em sua totalidade, é feito pelo SUS [Sistema Único de Saúde], o Registro Nacional de Doadores Voluntários de Medula Óssea está sob a coordenação técnica do CEMO/INCA [Centro de Transplantes de Medula Óssea do Instituto Nacioinal do e sob a coordenação operacional da Fundação do Câncer, sendo o maior banco de medula óssea do mundo custeado pelo sistema público e o 3º maior banco de medula do mundo, com cerca de 3,8 milhões de cadastrados, atrás apenas do banco de medula óssea norte-americano e do alemão. A parceria entre o Ministério brasileiro da Defesa, Ministério brasileiro da Saúde e a Força Aérea Brasileira também tem otimizado em muito o atendimento àqueles que precisam de um transplante".

A doação de medula óssea é um gesto de solidariedade e de amor ao próximo, pois para o doador, a doação será apenas um incômodo passageiro; para o doente, será a diferença entre a vida e a morte.

Fontes consultadas:

  1. www.al.ac.leg.br/…
  2. www.planalto.gov.br/…
  3. www.hospitalsiriolibanes.org.br/…
  4. www.cancer.org.br/…
  5. redome.inca.gov.br/…
  6. www2.inca.gov.br/…

Para dúvidas, críticas, sugestões, reclamações, convites e outros assuntos, por favor, Entre em contato

Licença Creative Commons, para reproduzir tem que citar fonte com link. URL curta: http://datascomemorativas.org/3492

RSS/XML