Dia de Atenção ao Prematuro (14 de março)

Licença Creative Commons, para reproduzir tem que citar fonte com link. URL curta: http://datascomemorativas.org/2910

Próxima Celebração "Dia de Atenção ao Prematuro": Quarta-Feira, 14 de Março de 2018, : daqui 319 dias, 06:56:12-03:00.
Tempo médio de leitura para essa data comemorativa: ± 2 minutos.

O Dia de Atenção ao Prematuro em 14 de março de cada ano, é uma comemoração dos Estados brasileiros do Mato Grosso [Lei Nº 9187 de 27 de julho de 2009] e São Paulo [Lei Nº 13.971 de 10 de março de 2010], que conta com o aval do Grupo de Apoio ao Prematuro, "Viver e Sorrir", a partir da cidade brasileira de São Paulo-SP.

De acordo com o disposto na norma legal do Estado de mato-grossenses, a Lei supracitada deverá ser regulamentada de acordo com as disposições da Emenda Constitucional nº 19 de 12 de dezembro de 2001 da Constituição do Estado do Mato Grosso.

Essa data comemorativa de mato-grossenses e paulista tem por fim, marcar a data do nascimento do físico estadunidense de origem alemã, Albert Einstein, que veio ao mundo em 14 de março de 1879 na condição de prematuro, e que conseguiu sobreviver sem sofrer sequelas, num tempo em que as condições de apoio aos prematuros eram bem mais adversas, tendo se convertido em personalidade do século XX, além de ter sido laureado com o Prêmio Nobel de Física de 1921, "por suas contribuições à física teórica" e, especialmente, por sua descoberta da lei do efeito fotoelétrico, que foi fundamental no estabelecimento da teoria quântica.

às vésperas da 2ª Guerra Mundial, enquanto radicado nos Estados Unidos da América, Einstein ajudou a alertar o então presidente norte-americano, Franklin Delano Roosevelt, que a Alemanha poderia estar desenvolvendo uma arma atômica, pelo que tratou de recomendar aos estadunidense que começassem uma pesquisa semelhante, cuja sugestão levou ao que se tornaria o "Projeto Manhattan". Apoiou as forças aliadas, denunciando no entanto a utilização da fissão nuclear como uma arma.

Além de trabalhar na Teoria da Relatividade Geral, ao lado da mecânica quântica, um dos dois pilares da física moderna, Einstein também realizou diversas viagens ao redor do mundo, deu palestras públicas em conceituadas universidades e conheceu personalidades célebres de sua época, tanto na ciência quanto fora do mundo acadêmico. Publicou mais de 300 trabalhos científicos, muitos deles tidos até hoje como artigos acadêmicos revolucionários, juntamente com mais de 150 obras não científicas.
Suas obras renderam-lhe o status de celebridade mundial, enquanto tornava-se uma nova figura na história da humanidade, recebendo prêmios internacionais e sendo convidado de chefes de estado e autoridades, e suas grandes conquistas intelectuais e originalidade fizeram da palavra "Einstein" sinônimo de gênio.
Em 1999 foi eleito por 100 físicos renomados o mais memorável físico de todos os tempos. No mesmo ano a revista TIME, em uma compilação com as pessoas mais importantes e influentes, o classificou a pessoa do século XX.

Foi afiliado ao Instituto de Estudos Avançados da localidade norte-americana de Princeton, onde trabalhou até sua morte, ocorrida às 1h15 da manhã de segunda-feira, 18 de abril de 1955 no Hospital de Princeton, com 76 anos de idade, tendo continuado a trabalhar até quase o fim de sua vida.

Fontes consultadas:

  1. www.al.sp.gov.br/…
  2. www.saude.mt.gov.br/…
  3. pt.wikipedia.org/…
  4. www.viveresorrir.org.br/…

Para dúvidas, críticas, sugestões, reclamações, convites e outros assuntos, por favor, Entre em contato

Licença Creative Commons, para reproduzir tem que citar fonte com link. URL curta: http://datascomemorativas.org/2910

RSS/XML